Paz e alegria: sinais da presença de Deus na Igreja – afirma Papa Francisco

Paz e alegria, não a organização, sinal da presença de Deus na Igreja

181044_388350471273006_1914026881_nDurante a homilia na Casa Santa Marta, papa Francisco recorda um dos ensinamentos de Jesus: tornar-se crianças para herdar o Reino dos Céus

Não organização e um planejamento perfeito, mas “paz e alegria” são os sinais da presença de Deus na Igreja: é o que afirmou o Papa na Missa da manhã, 30 de setembro,  na Casa Santa Marta comentando as leituras do dia.

Os discípulos estavam entusiasmados, faziam programas, projetos para o futuro a respeito da organização da Igreja nascente, discutiam sobre quem seria o maior e impediam de fazer o bem em nome de Jesus a quantos não pertenciam ao seu grupo. Mas Jesus – explica o Papa – os surpreende mudando o centro da discussão da organização para as  crianças: “Quem, ao contrário, é o menor entre todos vós – disse – este é grande”;

Assim, na Leitura do profeta Zacarias se fala dos sinais da presença de Deus: não “uma bela organização” nem “um governo que vai em frente, tudo arrumado e tudo perfeito”, mas os idosos que sentam nas praças e as crianças que brincam. O risco é aquele de descartar tanto os anciãos como as crianças.

É dura a admoestação de Jesus para com quem escandaliza os pequeninos.

“O futuro de um povo está exatamente aqui e aqui, nos idosos e nas crianças. Um povo que não cuida dos seus idosos e das suas crianças não tem futuro, porque não terá memória e não terá promessa! Os idosos e as crianças são o futuro de um povo! Como é comum deixa-los de lado, não? As crianças, sossegá-las com bombons, com um brinquedo: “Brinca, brinca; vai, vai! E os velhos, não lhes deixar falar, menosprezar os seus conselhos: “São velhos, coitados…!

Os discípulos – sublinha o Papa – não entendiam: “Eu entendo, os discípulos queriam a eficácia, queriam que a Igreja fosse para frente sem problemas e isto pode se tornar uma tentação para a Igreja: a Igreja do funcionalismo! A Igreja bem organizada! Tudo no lugar, mas sem memória e sem promessa! Esta Igreja, assim, não caminhará: será a Igreja da luta pelo poder, será a Igreja dos ciúmes entre os batizados e tantas outras coisas que nos acontecem quando não existe memória e não existe promessa”.

Portanto, a “vitalidade da Igreja” não é dada por documentos e reuniões para planejar e fazer bem as coisas”: estas são realidades necessárias, mas não são “o sinal da presença de Deus”: “O sinal da presença de Deus é este, assim diz o Senhor: “Idosos e idosas sentarão agora nas praças de Jerusalém, cada um com a bengala na mão por causa da sua velhice. Jogo nos faz pensar em alegria: é a alegria do Senhor. E estes anciãos, sentados com a bengala na mão, tranquilos, nos fazem pensar na paz. Paz e alegria: este é o clima da Igreja”.

ZENIT e Rádio Vaticano, 30 de setembro de 2013 – Tradução do italiano: Pe. Raul Kestring

…………………………………………………………………………………………

Veja a versão original italiana:

Pace e gioia, non l’organizzazione, segno della presenza di Dio nella Chiesa

Durante l’omelia a Santa Marta, papa Francesco ricorda uno degli insegnamenti di Gesù: ritornare bambini per ereditare il Regno dei Cieli

Non un’organizzazione e una programmazione perfette, ma “pace e gioia” sono il segno della presenza di Dio nella Chiesa: è quanto ha affermato il Papa nella Messa di stamani a Santa Marta commentando le letture del giorno. Ce ne parla Sergio Centofanti.

***

I discepoli erano entusiasti, facevano programmi, progetti per il futuro sull’organizzazione della Chiesa nascente, discutevano su chi fosse il più grande e impedivano di fare il bene in nome di Gesù a quanti non appartenevano al loro gruppo. Ma Gesù – spiega il Papa – li sorprende, spostando il centro della discussione dall’organizzazione ai bambini: “Chi infatti è il più piccolo fra tutti voi – dice – questi è grande!”.

Così, nella Lettura del profeta Zaccaria si parla dei segni della presenza di Dio: non “una bella organizzazione” né “un governo che vada avanti, tutto pulito e tutto perfetto”, ma gli anziani che siedono nelle piazze e i fanciulli che giocano. Il rischio è quello di scartare sia gli anziani che i bambini.

E duro è il monito di Gesù verso chi scandalizza i più piccoli:

“Il futuro di un popolo è proprio qui e qui, nei vecchi e nei bambini. Un popolo che non si prende cura dei suoi vecchi e dei suoi bambini non ha futuro, perché non avrà memoria e non avrà promessa! I vecchi e i bambini sono il futuro di un popolo! Quanto è comune lasciarli da parte, no? I bambini, tranquillizzarli con una caramella, con un gioco: ‘Fai, fai; Vai, vai’. E i vecchi non lasciarli parlare, fare a meno del loro consiglio: ‘Sono vecchi, poveretti’…”.

I discepoli – sottolinea il Papa – non capivano: “Io capisco, i discepoli volevano l’efficacia, volevano che la Chiesa andasse avanti senza problemi e questo può diventare una tentazione per la Chiesa: la Chiesa del funzionalismo! La Chiesa ben organizzata! Tutto a posto, ma senza memoria e senza promessa! Questa Chiesa, così, non andrà: sarà la Chiesa della lotta per il potere, sarà la Chiesa delle gelosie fra i battezzati e tante altre cose che ci sono quando non c’è memoria e non c’è promessa”.

Dunque, la “vitalità della Chiesa” non è data da documenti e riunioni “per pianificare e far bene le cose”: queste sono realtà necessarie, ma non sono “il segno della presenza di Dio”: “Il segno della presenza di Dio è questo, così disse il Signore: ‘Vecchi e vecchie siederanno ancora nelle piazze di Gerusalemme, ognuno con il bastone in mano per la loro longevità. E le piazze della città formicoleranno di fanciulli e fanciulle che giocheranno sulle sue piazze’. Gioco ci fa pensare a gioia: è la gioia del Signore. E questi anziani, seduti col bastone in mano, tranquilli, ci fanno pensare alla pace. Pace e gioia: questa è l’aria della Chiesa!”.

CITTÀ DEL VATICANO, 30 Settembre 2013 (ZENIT e Radio Vaticana)

Anúncios

Sobre ralk

Sou evangelizador, trabalho na Diocese de Blumenau nos setores de Comunicação e Ecumenismo.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s