“Advento: tempo de esperança” – Artigo de Pe. Raul Kestring publicado hoje, 30, no Jornal de Santa Catarina

COROAS DE ADVENTO 007

A existência humana faz experimentar tanto a insatisfação do transitório como a nostalgia da eternidade. É a caducidade das coisas e de nós mesmos que nos faz desejar a plenitude, a divinização, onde todos os verdadeiros sonhos se realizam.

As religiões prestam inalienável serviço à humanidade na medida em que chamam as pessoas a não se fixarem no que é terreno. Pois esta se apresenta como uma parte do todo e, portanto, incompleta, carente de plena satisfação. Superficialidade que repercute em comportamentos indesejados, como a violência, os vícios, a mentira, o ódio, tão nocivos a uma convivência harmoniosa, pacífica, promissora.

O tempo de Advento, de longa tradição histórica, inicia-se novamente neste final de semana. Celebra-se o primeiro dos quatro domingos que nos preparam para o Natal. João Batista aparece como figura bíblica e profética deste tempo. Foi ele quem anunciou o nascimento de Jesus Cristo, o Messias e Salvador. A palavra Advento significa exatamente chegada de alguém esperado, desejado, pedido.

Nestas quatro semanas, a Igreja propõe intensa Campanha de Evangelização, empenhando-se em despertar as pessoas, a comunidade, para um tempo de reflexão e conversão. Ilumina e dá consistência a essa campanha o testemunho de vida de João Batista: “Eu vi e por isso dou testemunho: Ele é o filho de Deus”. Mais do que luzes e cores, bebidas e comidas, ritmos e melodias, Advento é fazer brilhar a presença santificadora em cada um de nós, na família, na sociedade, na natureza.

Em pleno Ano da Fé, instituído para comemorar o cinquentenário do Concilio Vaticano II, João é mensagem de fé a todo cristão e pessoa de boa vontade. Acreditar em si mesmo, em Deus, nos valores que valem, e para isso empenhar a própria vida significa antecipar a vitória definitiva contra todo erro e todo mal, contra toda carência e pecado. Significa permear o transitório de sinais do definitivo e eterno.

RAUL KESTRING|Padre

30/11/2012 | N° 12742

Anúncios

Sobre ralk

Sou evangelizador, trabalho na Diocese de Blumenau nos setores de Comunicação e Ecumenismo.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s