Bela e útil reflexão sobre a Família

Um lar para Deus – Sagrada Família – por Dom Eurico dos Santos Veloso

A história se faz no dia-a-dia de muitas pessoas que se esforçam, lutam, se alegram, curtem a vida, adoecem…

A vida de uma família não pode ser resumida apenas à celebração de aniversário, às férias ou a alguns outros acontecimentos especiais. A vida de uma família se faz no dia-a-dia, na limpeza da casa, no esforço para se levantar e fazer com que todos estejam prontos a tempo de ir a seus respectivos trabalhos, na contribuição diária para que todos sejam felizes e se sintam bem em casa. A vida de uma família se realiza no amor, no respeito, na paciência e no diálogo. A vida de uma família é vivida no pão de cada dia e não no banquete do dia de festa.

No domingo que sucede ao Natal do Senhor, celebramos a festa da Sagrada Família. Maria e José formam uma família comum. Tiveram de trabalhar duramente. Sua vida familiar era composta de muitos dias seguidos, cheios de trabalho, preocupações, alegrias, angústias compartilhadas, paciência, amor, diálogo e respeito mútuo. Mas mais do que tudo isso eram dias de muita oração e de confiança inabalável na vontade de Deus. Dias em que não se celebrava nada de especial, apenas se vivia. Mas precisamente aí, nesse dia-a-dia, foi que se forjou a santidade daquela família. Hoje ela se torna para nós sinal do amor de Deus no nosso mundo e modelo de nossa vida familiar. Modelo dos dias de festa e dos dias comuns.

Nossas famílias devem olhar para este espelho estupendo que é a Família Sagrada Jesus, Maria e José. O objetivo não é viver como viveram Jesus, Maria e José. A vida mudou muito desde então. Os problemas que nós hoje temos de enfrentar não são os mesmos daquela família. Não há dúvida de que o relacionamento entre os esposos mudou, assim como a relação entre pais e filhos. Mas há algo que não pode mudar: a vida de uma família é construída sobre a base do amor e do respeito mútuo, com grandes doses de paciência e diálogo e, fundamentalmente, com muita oração em casa, desde o início de seu casamento, seguindo a vida matrimonial na guisa da fraternidade espiritual. A violência, a rigidez, a falta de comunicação levam à destruição das pessoas que constituem a família. Amor, respeito e diálogo formam a base segura sobre a qual podemos consolidar a vida de nossas famílias. Desta forma, tal como a Sagrada Família, nossas famílias serão também um sinal da presença amorosa de Deus em nosso mundo, que vive tão alienado e tão carente de amor.

Será que podemos melhorar a vida de nossa família? Se cada família tentar melhorar, o mundo será melhor. Que nossas famílias sejam sempre abençoadas pela Família Sagrada para que, nas alegrias e nas tristezas, possamos sempre recorrer a Jesus, Maria e José para que nossos compromissos familiares sejam sempre abençoados. A família é dom e graça de Deus para o mundo e para a Igreja. Aproveitemos esta solenidade para valorizar a família, porque como santuário doméstico, a família merece nosso respeito e a nossa oração. Que as famílias vivam este espírito de Natal para sentir o carinho da família Divina que nos abençoa!

Dom Eurico dos Santos Veloso

Anúncios

Sobre ralk

Sou evangelizador, trabalho na Diocese de Blumenau nos setores de Comunicação e Ecumenismo.
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s